Mariana Quito - Sem título

COMPRAR

 

 

 

Biografia em baixo

Mariana Quito

Nasceu em S. Miguel de Machede, Alentejo. Em 1954 passou a residir em Lisboa, tendo-se dedicado ao trabalho de cerâmica a partir dessa data. De 1959 a 1964, estudou pintura em Paris, na Escola Superior de Belas-Artes. Simultaneamente, estudou gravura no curso noturno da Escola do Boulevard de Montparnasse, dirigida por Jean Delpech. De 1962 a 1963 foi bolseira, em Paris, da Fundação Calouste Gulbenkian. Em Paris, expôs no Salão dos Independentes, Salão dos Artistas Franceses, Salão das Belas-Artes. Foi galardoada com o 1º Prémio do Atelier Souverbi. Obteve o 1º Prémio do Concurso Lefranc e a 1ª Menção Honrosa da Municipalidade da Cidade de Paris. De regresso a Portugal, continuou a dedicar-se à gravura, nomeadamente na Cooperativa dos Gravadores Portugueses, em Lisboa. Foi recompensada com prémios nacionais nas seguintes exposições: 1967 Salão da Primavera; 1968 Salão de Outono; 1968 I Salão de Artes Plásticas de Setúbal; 1º Prémio de Verão, da Junta de Turismo da Costa do Sol.

Realizou exposições individuais em Lisboa, no Estoril e em Luanda. O Museu Municipal de Belo Horizonte organizou uma sua exposição que circulou pelos principais museus dos diferentes Estados do Brasil. A Cooperativa dos Gravadores Portugueses editou quatro dos seus trabalhos. Participou nas seguintes Bienais: 1967 Paris; 1968 Péscia; 1969 Liège, Ljubliana, Catânia, Madrid, Barcelona; 1972 Rijeka e na II Bienal Internacional de Gravura em Frenchen.

Está representada no Gabinete das Estampas, Biblioteca Nacional de Paris, e em muitas outras coleções nacionais e estrangeiras.